Coletivo SAF

2008
a
2010
  • I Fórum da Agenda 21 no Centro de Ciências Biológicas (UFPE);

  • Construção da Agenda 21 CCB;

  • Visita ao Epicentro Marizá;

  • Instalação de espiral de ervas entre os anfiteatros 13 e 15 e Viveiro de Mudas

  • Elaboração do projeto de SAF e solicitação de área para a diretoria e prefeitura da UFPE;

  • Início do controle de braquiárias e plantio de 4 árvores de grande porte

2011
a
2013
  • Espaço autogestionado pelo Coletivo Guazuma;

  • Plantio de muda Guazuma;

  • 1ª monografia e um capítulo de livro sobre o SAFe;

  • Apresentação de relatos de experiência sobre o SAFe na Rio+20

  • Diversificação de uso do SAfe como espaço didático em disciplinas dos prof. Marcelo Tabarelli, Cecília Costa e Gilberto Rodrigues;

2014
a
2015
  • Descoberta de fungo bioindicador Trichoderma no SAFe;

  • Análise física do solo;

  • Plantio de espécies anuais (milho crioulo) e clímax ecológico do SAFe, pelo estabelecimentao das árvores de sombra controlando as braquiárias;

  • 1º Projeto de Extensão, sob orientação do prof. Gilberto Rodrigues;

2015
a
2017
  • 1ª ameaça ao SAFe: corte da vegetação pela UFPE, mas resiliência do sistema;

  • Ocupação do CB: sentimento de perticimento dos estudantes do CB;

  • Visita de Marsha Hanzi (Epicentro Marizá) ao SAFe registrado no filme 'Revolução do Jardim' de Ravi Rocha;

  • Criação do Coletivo SAF

  • Utilização do SAF em mais disciplinas. Ações pedagógicas com escolas, outras universidades. Mutirões, oficinas, minicursos, palestras em eventos no centro de Biociências.

Histórico

O SAF-UFPE teve seu início em 2010, como um Jardim Didático Agroflorestal, a partir de vivências permaculturais e agroecológicas na UFPE por iniciativa dos discentes do curso de Ciências Biológicas com ênfase em Ciências Ambientais e Ciências Biólogicas Bacharelado, sendo apoiado, posteriormente, por docentes do Centro de Biociências.

 

Em 2015, o SAF foi objeto do Projeto de Extensão “Agroecologia Estudos e Práticas”. Atualmente se configura como o SAF (Sistema Agroflorestal) do CB / UFPE, um espaço didático onde são realizados mutirões de manejo agroecológico embasados por 8 anos de aprendizados empíricos e sistematização teórica, bem como recebe visitas pedagógicas de Escolas e até cursos de Pós-Graduação.

 

Com seus 9 anos de existência, o Agroecossistema já apresenta um desenvolvimento ecológico avançado, apresentando, com base em dados de 2015, um levantamento florístico de 59 espécies distintas e aproximadamente 122 indivíduos em abundância.

Título 1

2018
a
2019
  • 2ª ameaça de extinção do SAFe: possível construção de prédio da escolaridade no SAFe;

  • Mobilização em massa para a manuntenção do SAFe;

  • 2º projeto de Extensão aprovado, com coordenação da Prof. Cecília Costa;

  • Projeto aprovado pelo Fundo CASA;

  • Parceria com a Escola Estadual de Referência Cândido Duarte (Apipucos - Recife);

  • O Programa de Pós Graduação para o Ensino das Ciências Ambientais abre vagas para integrantes do SAFe e 3 são preenchidas